Acompanhamento de metas pessoais e atividades profissionais

Você também já se sentiu meio à deriva no mundo, como se estivesse canalizando energia demais em atividades que simplesmente não atendem às suas expectativas de crescimento pessoal e profissional? Acredite: você não está só.

E esse tema tem preocupado bastante as pessoas porque boa parte de nós está cada vez mais envolvida em tarefas, eventos e responsabilidades que consomem nosso tempo e apenas poucos têm aprendido a administrá-lo de forma eficaz.

Se você pesquisar por aí a respeito de gerenciamento de tempo ou sobre planejamento pessoal certamente encontrará o conceito definição de metas entre os itens recomendados por onde começar a organizar a sua vida. É preciso saber onde queremos chegar com tudo que fazemos para, só então, definirmos por onde começar.

A definição de metas é utilizada por atletas de alto nível, empresários bem-sucedidos e empreendedores em todas as áreas. Definir metas oferece a você visão de longo prazo e motivação de curto prazo. Valoriza a sua aquisição de conhecimento, ajuda a organizar o seu tempo e os seus recursos de forma que você possa extrair o máximo de sua vida. (Personal Goal Setting…, tradução nossa)

Em linhas gerais, o que você precisa fazer é imaginar um cenário ideal daquilo que deseja para a sua vida nos próximos 10, 20, 30 anos e identificar que grandes metas devem ser perseguidas para conquistar esses resultados de longo prazo.

Essas metas maiores devem ser subdivididas em objetivos gradativamente menores (de 5 anos, de 2 anos, de 1 ano, 6 meses etc.) até que você possa saber quais os compromissos que você tem para o dia de hoje que lhe aproximarão um pouquinho mais de sua meta de vida.

A planilha para acompanhamento de metas pessoais e atividades profissionais disponibilizada a seguir lhe ajudará a acompanhar todas essas metas, sejam elas de longo ou curto prazo, e também pode ser utilizada para o acompanhamento de atividades de um projeto pessoal ou profissional de poucas etapas.

Para mais informações sobre planejamento pessoal e de carreira, indicamos as leituras abaixo:

Utilizando a planilha

Comece definindo metas de longo prazo, com um horizonte de uns 10 anos e depois tente imaginar que outras metas de tempo e complexidade menores seriam necessárias para que a meta principal seja atingida (figura 1). É importante que você quantifique os resultados esperados e determine um prazo adequado para poder avaliar futuramente se foram cumpridos ou não.

Defina as suas metas, quantificando os resultados e estabelecendo prazos para conclusão

Passo 1 – Defina as suas metas, quantificando os resultados e estabelecendo prazos para conclusão

Acompanhe a execução das metas (figura 2), atualizando a coluna resultados alcançados:

Acompanhe a execução das metas atualizando as informações dos resultados alcançados

Passo 2 – Acompanhe a execução das metas atualizando as informações dos resultados alcançados

Tão logo você informe a data de início da execução e atualize as quantidades realizadas na coluna correspondente, os gráficos de progresso e de desempenho serão atualizados (figura 3):

Atualize as informações da execução da meta para obter os gráficos de progresso e desempenho

Passo 3 – Atualize as informações da execução da meta para obter os gráficos de progresso e desempenho

Ao concluir ou cancelar uma meta, insira a data correspondente para registro e histórico de sua caminhada.

Observações

A data de conclusão estimada será automaticamente calculada à medida que você inclua novas metas. O seu valor varia de acordo com as seguintes situações:

  • Quando a data de início prevista ainda não tiver sido ultrapassada (hoje <= início) ou nenhuma quantidade realizada tiver sido informada (QTD = 0), ela considerará a data de início prevista e o prazo inicialmente estimado;
  • Quando a data de início prevista tiver sido atingida (hoje > início) e pelo menos alguma quantidade realizada tiver sido informada (QTD > 0), ela considerará a data real de início e o desempenho atual.

O gráfico de progresso apresenta a razão entre a quantidade de trabalho já realizada (resultados alcançados) e a quantidade de trabalho prevista para se atingir a meta.

  • Imagine a meta conhecer 4 novos países em 4 anos. À medida que você for atualizando a quantidade de países visitados, o gráfico indicará o percentual de progresso correspondente.

Para atender à finalidade desta planilha, desempenho pode ser expresso através da razão entre o trabalho a ser realizado (quantificado na meta) e o prazo definido para sua conclusão.

  • O desempenho requerido para a meta ler um livro de 400 páginas (trabalho) em 10 dias (prazo) será de 40 páginas por dia (desempenho), independentemente da data em que a execução iniciar de fato.

O gráfico de desempenho apresenta a razão entre o seu desempenho real (durante a execução da meta) e o desempenho previsto.

  • Voltando ao exemplo da meta ler um livro de 400 páginas em 10 dias, se a barra do gráfico indicar 50%, significa que você só está conseguindo ler 20 páginas por dia (desempenho real = 0,5 do desempenho previsto);
  • Duas informações importantes para o seu planejamento podem ser extraídas desse indicador: que, continuando nesse ritmo, você só conseguirá concluir a meta no dobro do tempo previsto (10 dias / 0,5 = 20 dias); ou que, ao final do prazo inicial (10 dias), você terá lido apenas metade do livro (0,5 x 400 páginas = 200 páginas).


Baixar gratuitamente

Acompanhamento de metas pessoais e atividades profissionais